Informações Van Richten's Guide to Ravenloft

Van Richten’s Guide to Ravenloft é lançado!

Publicado por

Ravenloft retorna à Quinta Edição – e mais colorido do que nunca!

Nós normalmente tentamos publicar uma notícia acerca de um lançamento no mesmo dia que o livro é lançado. Mas as notícias publicadas em veículos de mídia acerca de Van Richten’s Guide to Ravenloft eram tão exageradas (ao ponto de dizerem que este é o melhor livro da edição) que decidimos esperar o lançamento do livro para falar acerca dele.

P.S: Infelizmente, a Wizards of the Coast mudou sua política de divulgação de informações. Em vez de disponibilizá-las “em aberto”, a empresa divulga informações sobre lançamentos através de uma coletiva de imprensa, restrita a apenas alguns veículos de imprensa internacionais. Portanto, outros blogs e sites de RPG ficam reféns das informações publicadas por estes veículos.

O D&D Essentials Kit voltou a ser comercializado no Brasil, e com o preço especial de R$ 108,50!

Van Richten's Guide to Ravenloft Preview
A arte de capa de Van Richten’s Guide to Ravenloft, criada pela artista Anna Podedworna.

Mudanças editoriais

Diferente de Curse of Strahd (ou A Maldição em Strahd, na edição em português), os autores fazem diversos alertas para possíveis gatilhos de fobias ou conteúdos inapropriados ao longo do livro – e ao mesmo tempo, o livro pede certo esforço por parte dos jogadores para comprar a narrativa que o cenário propõe. Outra mudança importante em Van Richten’s Guide to Ravenloft é perceptível nas ilustrações que ditam o tom do livro. Enquanto que Curse of Strahd e demais livros de Ravenloft adotam tons escuros em suas ilustrações (uma alusão ao tom gótico do cenário), as ilustrações de Van Richten’s Guide to Ravenloft possuem cores vibrantes. Além disso, foi realizada uma reimaginação artística de vários Lordes Sombrios.

Tatyana Ravenloft
Na Baróvia, sai os tons escuros e entram cores mais vivas (normalmente, tons usados apenas por pessoas que detém almas ou os Vistanis). Arte de Nikki Dawes.

Outra mudança estética ocorreram nos mapas: os mapas da aventura presente no livro (The House of Lament) continua a ser confeccionado por Dyson Logos, mas os mapas dos domínios foram ilustrados por Francesca Baerald, Jared Blando e Mike Schley. E acredite: os mapas estão incríveis (embora a caligrafia usada em alguns deles atrapalhe a leitura).

Normalmente, estes detalhes não são relevantes em um preview, mas se tratando de Ravenloft e todo o seu legado, é importante mencionar essas mudanças.

Har'akir Van Richten's Guide to Ravenloft
O mapa de Har’akir foi criado por Mike Schley, mesmo cartógrafo que criou o mapa da Baróvia (e tantos outros) que figura em Curse of Strahd

Opções de customização

Van Richten’s Guide to Ravenloft adiciona novas opções de customização:

  • Três novas linhagens: Dhampir, Hexblood e Reborn (todas elas disponíveis na Unearthed Arcana Linhagens Góticas, disponível em português neste link);
  • Dois novos arquétipos: Bardo, Colégio dos Espíritos e Bruxo: O Morto-Vivo, ambos disponíveis na Unearthed Arcana Arquétipos, Parte 4, disponível em português neste link);
  • Dois “novos “antecedentes: O Assombrado (disponível no apêndice de Curse of Strahd) e o Investigador. Há também uma nova opção de customização de antecedentes.

A Wizards of the Coast decidiu adotar como oficial às regras de customização de linhagens presente em Tasha’s Cauldron of Everything. As novas raças não apresentam aumento no valor de atributo ou idiomas fixos: em vez disso, o livro lhe permite customizar tais traços. Seu personagem Dampiro, por exemplo, conhecerá os idiomas Comum e qualquer outro idioma de sua escolha.

Além destas opções de personalização, o livro apresenta regras para os famigerados Poderes Sombrios de Ravenloft, que oferecem alguns benefícios singelos, mas com contrapartidas que surgem sempre que você obtém um resultado 1 no d20.

Os sidekicks apresentados no Essentials Kit de D&D estão de volta em Van Richten’s Guide to Ravenloft, embora reformulados. Agora chamados de sobreviventes, estes personagens possuem mecânicas próprias e foram criados para que os personagens os controlem. Dessa forma, você, DM, pode fugir do poder estonteante de um personagem tradicional de D&D e fazer com que os jogadores interpretem personagens em sua campanha cujo poder é miserável. Eles são ideias para campanhas curtas ou mais “pé no chão”.

Ao todo, há quatro “classes” de sobreviventes, com 8 talentos para customizá-los.

Os Domínios

O cenário de Ravenloft é composto por diversos domínios que flutuam sobre as brumas, cada um deles com características que os tornam únicos. E grande parte do livro é dedicado a eles.

Ao todo, Van Richten’s Guide to Ravenloft apresenta 17 domínios com detalhes, além de citar outros 22 domínios de forma breve (o que totaliza 39 domínios). Os domínios detalhados possuem descrições de seus maiores assentamentos, detalhes sobre seus lordes sombrios, características gerais, conhecimentos populares e tabelas para que você gere suas próprias aventuras no domínio. Infelizmente, não há mapas para todos os domínios. Cada domínio possui cerca de 3 páginas dedicadas a ele.

A Wizards of the Coast mesclou domínios clássicos com novos domínios na tentativa de agradar todos os públicos. Mas se você não gostar dos domínios apresentados no livro, Van Richten’s Guide to Ravenloft apresenta um guia para que você crie seu próprio domínio – e claro, seu lorde sombrio.
O livro também destrincha o tema horror, apresentando explicações detalhadas sobre cada um dos subtemas que você pode usar como principal característica de seu domínio. Este guia também apresenta sugestões de criaturas e vilões para habitá-lo, locais de aventura e ganchos de campanha.

Van Richten's Guide to Ravenloft Art
Cada domínio de Ravenloft tem uma temática única. Arte de Irina Nordsol, disponível no Twitter.

Novas regras

Van Richten’s Guide to Ravenloft insere novas regras e reformula algumas destas presentes no Dungeon Master’s Guide: Livro do Mestre. Fonte de Medo é uma das regras opcionais sugeridas no livro: os personagens devem escolher duas fontes de medo em uma tabela, e sempre que os personagens adotarem práticas que suprimam estes medos (como por exemplo, quebrar todos os espelhos que encontrar por ter medo de reflexos), eles podem receber uma Inspiração como recompensa pelo ato.

Estresse também é uma nova mecânica sugerida no livro: quando determinados eventos acontecem (por exemplo, ao ficar mais de 24 horas sem dormir), o personagem recebe uma penalidade de -1 (que pode acumular com outras penalidades). Essas penalidades se aplicam a quaisquer testes de atributo, salvaguardas e jogadas de ataque).

Últimos detalhes

Por fim, as páginas finais de Van Richten’s Guide to Ravenloft apresentam a aventura The House of Lament. Com mais de 20 páginas, a aventura foi desenvolvida para personagens de 1º nível: ao final dela, é esperado que eles alcancem o 3º nível. Há também um bestiário, contendo mais de 30 criaturas e um guia para você adaptar qualquer criatura para Ravenloft.

Ficha Técnica

Livro: Van Richten’s Guide to Ravenloft
Idioma: Inglês
Capa: Capa dura
Nº de páginas: 256
Data de lançamento: 18 de maio de 2021
Preço sugerido: US$ 49,99/R$ 243,84
Onde adquirir: Amazon Brasil (com frete grátis e parcelamento), Amazon (edição física); D&D Beyond, Fantasy Grounds e Roll20 (edição digital).

Publicações mais recentes

Edição nacional de City of Mist está em financiamento coletivo!

A edição nacional de City of Mist está em financiamento coletivo no Catarse. Conheça mais sobre a Cidade das Brumas em nossa publicação!

Unearthed Arcana Mages of Strixhaven Tradução

Unearthed Arcana – Magos de Strixhaven

A Unearthed Arcana Magos de Strixhaven apresenta cinco novos arquétipos baseados na Universidade da Magia de Arcavios!
O documento traduzido está disponível neste artigo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s