Pathfinder em Savage Worlds em Português

Pathfinder para Savage Worlds: edição nacional está em financiamento coletivo!

Publicado por

O jogo já atingiu sua meta básica, e seu lançamento está previsto para o início do segundo semestre de 2022!

Com o findar da primeira edição de Pathfinder, a Paizo abriu mão de excelentes materiais publicados durante os dez anos de existência do sistema. Apesar de possuir excelentes suplementos (como o Pathfinder Unchained, que ajudou a moldar a segunda edição, e o Advanced Player’s Guide), o grande destaque da propriedade intelectual da Paizo era as suas campanhas: intituladas Adventure Paths (ou Trilhas de Aventura), estes arcos desbancam até mesmo as grandes aventuras dos tempos áureos da falida TSR.

Mas a Paizo encontrou uma maneira para capitalizar em cima de suas publicações antigas: licenciamentos. E o primeiro deles apresenta o sistema de Pathfinder em Savage Worlds!

Pathfinder para Savage Worlds?

Caso não conheça os sistemas, saiba que Pathfinder foi o primeiro sistema da Paizo, criado após a Wizards of the Coast cancelar os direitos de publicação de sua revista, até então licenciada para a editora de Washington (que até fazia um bom trabalho). Pathfinder é uma adaptação do sistema Dungeons & Dragons 3.5, apresentando grandes melhorias em relação ao sistema que lhe deu origem, o que rendeu o apelido de D&D 3.75.

O sistema foi um sucesso comercial tão grande que desbancou Dungeons & Dragons 4ª Edição como o sistema mais vendido do mundo. Este fato continuou a ocorrer até que a Wizards of the Coast lançasse a quinta edição de Dungeons & Dragons, que permanece sendo o jogo mais vendido ano após ano.

Savage Worlds é um sistema ágil criado pela Pinnacle Entertainment. É uma das principais representações do “RPG genérico”, um estilo de sistema que pode ser facilmente adaptado para quaisquer cenários. Essa característica pode ser vista nos variados cenários existentes para o sistema: Deadlands (faroeste), Lankhmar (espadas e feitiçaria), The Day After Ragnarok (segunda guerra mundial pós-apocalíptico), Weird Wars (segunda guerra mundial, com elementos do sobrenatural) e Winter Eternal (pós-apocalíptico gélido).

Embora Savage Worlds possua cenários de fantasia, nenhum destes é tão impactante quanto Golarion, o mundo de Pathfinder. E agora, esse cenário também desembarcará em terras tupiniquins, pelas mãos da Retropunk Publicações!

A adaptação

Pathfinder Savage Worlds em português
O livro básico terá 256 páginas.

Você deve estar se perguntando: tá, mas como inserir um sistema dentro de outro sistema?

Em primeiro lugar, se você está acostumado com a Edição Aventura de Savage Worlds, pouca coisa mudará pra você: o sistema ainda é o mesmo, mas algumas adaptações foram realizadas para que a fantasia épica de Pathfinder e as mecânicas das classes se façam presentes no sistema rápido e furioso. Por outro lado, se você nunca jogou Savage Worlds, saiba que Pathfinder para Savage Worlds é um produto stand-alone: isso significa que você não precisará de qualquer outro livro para começar a jogar (nem mesmo o Livro de Regras de Savage Worlds)!

O Savage Worlds usa um conjunto de dados que varia do d4 ao d12 (em campanhas específicas, um d20 também pode se tornar obrigatório): ao criar seu personagem, você aloca pontos em seus atributos e perícias, e estes pontos se transformam em dados. Quanto um teste se faz necessário, você usa o dado referente ao atributo ou perícia solicitado pelo Mestre: se você obtiver um resultado superior a 3 após a aplicação de bonificações e penalidades, você foi bem sucedido.
Savage Worlds também usa a mecânica de estouro de dados (aqui, chamado de Às): ao obter o maior resultado possível em um dado, você deve rolar um novo dado, somando os dois valores obtidos. Se você continuar obtendo o maior resultado possível, você pode continuar rolando dados extras, somando-os ao resultado final. E como Savage Worlds usa graus de sucesso (uma ampliação ocorre para cada 4 pontos obtidos além da dificuldade do teste), quanto maior o resultado obtido, melhor.

Vamos para as adaptações: as tradicionais habilidades de classe de Pathfinder se transformaram nas Vantagens de Savage Worlds. E essas vantagens se tornam pré-requisitos para vantagens de níveis maiores, presentes em Pathfinder. Além disso, novas mecânicas foram inseridas para que conjuradores recebam penalidades ao usar poderes enquanto estiverem vestindo armaduras. Além disso, a mecânica de recuperação de Pontos de Poder foi reformulada, dada a alta fantasia presente em Golarion.

Com a simplificação apresentada por Savage Worlds, até mesmo a extensa lista de magias de Pathfinder é significativamente reduzida: de 289 magias para 54 poderes. Todas as magias que envolvem o disparo de um raio, por exemplo, se transformam em um único poder. Através do uso dos Modificadores de Poder, você pode customizar esse disparo de raio: gastando dois pontos, por exemplo, você pode adicionar o efeito da magia desintegrar ao raio.

E Pathfinder para Savage Worlds não chegará “pela metade” em português: Ascensão dos Lordes Rúnicos, simplesmente a melhor trilha de aventuras para Pathfinder 1ª edição, também se fará presente no conjunto de livros a serem lançados em português!

Ascensão dos Lordes Rúnicos Savage Worlds
As seis trilhas de aventuras serão lançadas em português!

O financiamento coletivo

Como mencionamos no início da publicação, o financiamento coletivo de Pathfinder para Savage Worlds já atingiu sua meta inicial, no valor de R$ 50.000. Atualmente, o crowdfunding já ultrapassou da marca de R$ 75.000 arrecadados, o que garante como meta adicional o Bestiário de Pathfinder em versão digital. Outras metas prevem o Bestiário de Pathfinder na versão física, a caixa de colecionador da aventura Ascensão dos Lordes Únicos, a aventura Hollow’s Last Hope e o Guia de Varísia (uma meta dupla) e o Compêndio de Pathfinder.
A previsão é que as recompensas sejam entregues no início do segundo semestre de 2022.

No momento desta publicação, faltam 18 dias para o término do financiamento coletivo. Você pode apoiar o projeto na plataforma de crowdfunding Catarse!

Publicações mais recentes

Raças Abolidas em Dungeons & Dragons

D&D: Wizards of the Coast pretende extinguir o termo “raça”!

O termo “raça” está prestes a ser abolido de Dungeons & Dragons!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s