Junker's Delight Starfinder

Paizo anuncia módulo stand-alone para Starfinder!

Publicado por

Junker’s Delight será o primeiro módulo a ser lançado. Outras mudanças estão por vir na linha Starfinder!

Desde o seu lançamento, em 2018, o RPG espacial Starfinder sempre contou com Adventure Paths (ou Trilhas de Aventura): grandes campanhas compostas por três ou seis volumes, com cada volume sendo lançado de forma mensal ou bimestral. E isso irá mudar em 2021: além das grandes campanhas, a Paizo passará a oferecer módulos curtos de 64 páginas!

Junker’s Delight será a primeira aventura lançada neste formato: prevista para Julho de 2021, a aventura para quatro personagens de 1º nível foi escrita por Jason Keelay (um dos desenvolvedores do sistema) e Misha Bushyager. Um segundo módulo (cujo nome não foi revelado) será lançado em Setembro do mesmo ano. A editora de Washington não informou se esse padrão (um módulo a cada dois meses) se manterá para os próximos lançamentos.

Starfinder Junker's Delight
Capa do módulo Junker’s Delight.
Infelizmente, a Paizo não disponibilizou a capa em resolução maior.

Abaixo, você pode conferir a sinopse da aventura:

Séculos atrás, a Labareda Estelar – uma embarcação científica que pesquisava a estranha dimensão conhecida como Drift – se chocou contra a superfície de Akiton. Agora, Vari-13 – um androide – deseja encontrar seus restos e recuperar suas valiosas pesquisas. Mas Vari-13 precisa de ajuda, e é aqui que os heróis entram. Os restos da Labareda Estelar estão no meio de um enorme campo de detritos, abarrotado de tecnologias inoperantes, habitada por predadores e disputada por goblins espaciais territorialistas. Além disso, há boatos de um enorme robô feito inteiramente de lixo e imune a magia, que vagueia pelo cemitério de sucata destruindo tudo em seu caminho. Será que heróis conseguirão intermediar um acordo de paz, alcançar o local do impacto e defendê-lo de um exército de catadores?

Sinopse do módulo Junker’s Delight

A aventura inclui um novo local de exploração (Khefak Depot, um assentamento em Akiton, o planeta vermelho), novos equipamentos, magias e monstros.

Outras mudanças

Além do novo módulo, a Paizo também anunciou que, a partir do arco Planetfall (a ser publicado em Junho de 2021), todas as Adventure Paths (APs) para o sistema voltarão a ser publicadas bimestralmente (portanto, seis volumes por ano – mesmo modelo usado nos primórdios do sistema). Os fãs do RPG espacial ficaram preocupados com a alteração: muitos deles perguntaram nos fóruns da Paizo se o sistema era, de fato, rentável – temendo que a mudança nas APs tenha relação com a baixa lucratividade do sistema.

Embora o portal ICv2 tenha noticiado que Starfinder está com bom desempenho comercial, Erik Mona (líder criativo da Paizo) fez questão de tranquilizar os fãs. Abaixo, você pode conferir a mensagem dele no fórum:

Starfinder está se saindo bem. Quando nós lançamos as Adventure Paths bimestrais, a comunidade indicou que desejava mais aventuras. Então, dobramos a produção de APs.
Um dos resultados desta ação foi que, fora do universo do Jogo Organizado, não haviam opções de aventuras curtas para que as pessoas escolhessem e jogassem. Na época, a decisão era “você quer se comprometer por seis meses com uma AP de três volumes, ou por um ano ou mais com uma AP de seis volumes?”.

Algumas pessoas querem apenas experimentar este modelo (aventuras stand-alone), ou desejam uma aventura divertida onde possam explorar um personagem diferente fora do ambiente da campanha.

Embora a linha seja bem-sucedida e venda bem, ela não é tão bem-sucedida ao ponto de justificar adicionar novos membros à equipe e novas sub-linhas para a marca. Ao mesmo tempo, nossa pesquisa de mercado indica que as pessoas estão demorando mais tempo para terminar as APs (em comparação com o período do lançamento do jogo). Então, no último ano, nós começamos a suspeitar que volumes mensais para Starfinder são lançamentos rápidos demais para o calendário de nosso segundo jogo mais popular.

Este parece ser um bom caminho: ao mesmo tempo em que melhoramos em uma fraqueza estratégica de Starfinder (não ter aventuras stand-alone), nós alteramos os lançamentos das APs para se adequarem de forma mais razoável ao apetite da audiência para este tipo de conteúdo.

Nós estamos sempre ouvindo os jogadores, e continuaremos a ajustar as coisas de acordo. Isso significa que, em algum ponto, possamos trocar para APs mensais, mas por ora, nós iremos testar esse novo mix de produtos (com mais algumas surpresas que estão por vir) e observaremos seu desempenho.

Erik Mona, nos fóruns da Paizo

Além disso, os fãs demonstraram suas preocupações quanto ao modelo de assinatura: no formato atual, os módulos de Starfinder não são cobertos por nenhuma assinatura – o que significa que os fãs deverão comprar as versões físicas e digitais individualmente (com a assinatura, o PDF é enviado gratuitamente ao assinante assim que o produto físico é enviado para a sua residência).

Erik Mona também se pronunciou acerca desta questão:

Nós continuaremos a discutir a melhor opção de assinatura para estas aventuras, e nós iremos compartilhar novas informações assim que definirmos algo. Nós sabemos que há muito interesse (na assinatura para módulos), o que é algo fantástico de se ver.

Erik Mona, nos fóruns da Paizo.

Publicações mais recentes

Giro de Notícias Joga o D20

Giro de Notícias – de 10 a 17 de outubro!

O lançamento de Vampiro V5, último playtest de Old Dragon e últimos dias para apoiar a linha Forged in the Dark: confira as principais notícias da semana!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s